quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

Câmara aprova aumento de salário para presidente e parlamentares

A Câmara dos Deputados aprovou nesta quarta-feira (15) o projeto de lei que eleva o salário dos parlamentares, do presidente, do vice e dos ministros de estado a partir de 1º de fevereiro de 2011.


O reajuste é de 62,5%, que eleva o atual salário de R$ 16,5 mil para R$ 26,7 mil, que já incidirá no contracheque de janeiro de 2011. O último reajuste foi em junho de 2007.


A concessão do reajuste aos parlamentares provocará um problema conhecido como efeito cascata. Pela Legislação, deputados estaduais têm direito a 95 % do valor dos vencimentos dos deputados federais, os vereadores por sua vez, têm direito a subsídios entre 20% a 75% dos vencimentos dos deputados estaduais. Com o aumento no Legislativo federal, cerca de 52 mil vereadores e 1 mil deputados estaduais poderão ter aumento na folha de pagamento.
Fonte: Blog da Renata


ISTO PARECE UMA PIADA, POIS ENQUANTO OS POLICIAS LUTAM PELA APROVAÇÃO DE UM TETO SALARIAL MISERÁVEL ESSES CARAS AUMENTAM SEUS PRÓPRIOS SALÁRIOS  E TUDO ISSO DE FORMA MUITO RÁPIDA NEM PARECE A PEC ETERNA.

2 comentários:

Anônimo disse...

A votação ocorreu menos de 30 minutos após os parlamentares aprovarem um requerimento de urgência para que a proposta passasse na frente de outras na fila. Os votos ocorreram de forma simbólica. Assim, o presidente em exercício da Câmara, Inocêncio Oliveira (PR-PE), apenas pergunta, no plenário, se todos concordam. Quem não faz nenhum gesto, aprova.

teologiaweb disse...

Enquanto grande parte da população tenta ao máximo sobreviver com o mínimo (510,00), esses senhores do poder elevam seus salários ao máximo com o mínimo de esforço...

Eh Brasil!